Jéssica Beltrame
Jéssica Beltrame

WordPress para Iniciantes

Muitas pessoas querem ter um site próprio, seja para uso de uma empresa ou uso pessoal, mas não sabem por onde começar. Com o WordPress seus problemas estão resolvidos – ou parte deles.

Que um bom site é fundamental para alavancar seus negócios, todos já sabem. Mas as dúvidas para desenvolver aquele projeto bacana são muitas. Esse post é voltado para você que quer tirar do papel aquela ideia legal de site, mas sem dor de cabeça.


Neste post abordaremos:

  1. WordPress como CMS
  2. Diferença entre wordpress.com e wordpress.org
  3. Instalação do wordpress.org
  4. Temas: como escolher o melhor tema para deixar seu site mais bonito
  5. Plugins: O que são, para que servem e porque usar
  6. Updates e Segurança: Por que manter atualizado e quais os riscos
  7. Páginas do WordPress
  8. Backup dos dados

 

WordPress como CMS

O Sistema de Gerenciamento de Conteúdo, ou só CMS, é um aplicativo usado para criar, editar, gerenciar e publicar conteúdo de forma organizada, permitindo que o mesmo seja modificado, removido e adicionado com facilidade. O conteúdo pode incluir imagens, áudios, vídeos, documentos e conteúdo Web. A principal utilidade de um CMS é permitir que a empresa ou pessoa dona do site tenha total autonomia sobre o conteúdo e os dados do site, fazendo com que não seja necessário a contratação de uma assitência terceira para manutenções rotineiras.

O WordPress, além de ser uma plataforma open source de Content Management System – CMS, o que permite que os usuários tenham total autonomia sobre os seus sites, também é uma das plataformas de gerenciamento de conteúdo que mais crescem na internet, sendo considerado o sistema mais popular da web.

Porque utilizar uma plataforma CMS? porque não precisa ter conhecimento em HTML. Isso significa que você não precisa abrir um bloco de notas e programar um site do zero, ele já vem “pronto” e você só configura com as suas informações. O que não quer dizer necessariamente que todos os site desenvolvidos em CMS sejam iguais, pois a plataforma do WordPress, por exemplo, oferece diversos temas e templates diferentes que podem ser customizados de acordo com as necessidades de cada um.

O IMasters aponta também os principais sistemas de gerenciamento de conteúdo de código aberto, como o Drupal, Joomla, Magento, entre outros, que você pode testar. Porém, o WordPress aparece sempre como sendo o mais utilizado.

Diferenças entre WordPress.com e WordPress.org: tudo que você precisa saber

Você sabe a difereça entre wordpress.org e wordpress.com?

Muitas pessoas não sabem e acham que é a mesma coisa, porém há diferenças fundamentais para quem quer gerar mais leads e acessos na página. Então, você quer criar seu próprio blog, mas tem dois grandes problemas:

1– Você não sabe por onde começar

2 – Você não tem dinheiro para gastar

No problems, para isso você pode utilizar o wordpress.com, que oferece um serviço gratuito de criação e hospedagem de blogs, não sendo necessário se preocupar com hosting para seu site e domínio. A desvantagem é que seu domínio ficará como nomedosite.wordpress.com, o que não é muito vantajoso se você deseja ampliar seu projeto e alavancar o número de acessos na sua página. O wordpress.com também oferece a opção de usar seu próprio domínio, mas tem custo.

Outros pontos e desvantagem fundamentais são as limitações do WP em relação ao uso de ads, de customização (temas e plugins), e também a limitação física dos servidores, que possuem um ambiente padrão – não sendo possível escalar vertical ou horizontalmente.

Maaaaaaas, se você quer ter seu próprio domínio, criar um site ou blog mais sofisticado, o wordpress.com não é o mais indicado.

Não criemos pânico!

Para este tipo de trabalho, que exige mais autônomia e capacidade, tem o WordPress.org que, por sua vez, por ser uma plataforma de código aberto, oferece mais recursos, como a possibilidade de registrar um domínio próprio, instalar plugins e uma maior variedade de temas. Ressaltando também que, com o wordpress.org você tem total domínio do seu site, opção que o wordpress.com não oferece. Dependendo do tamanho do seu site ou blog, os custos adicionais são super baixos. Na Umbler, por exemplo, o valor de hospedagem é de R$ 6,00 ao mês para Site Pro e de R$ 60 para Cloud Sites.

Resumindo: com o WordPress.com você pode usar um serviço gratuito de criação de blogs, mas não é possível desenvolver grandes sites ou e-commerces que tenham muitos acessos. Entretanto, utilizando o CMS opensource mantido pelo WordPress.org é possível fazer o download de toda a plataforma do WordPress para poder instalá-la em um servidor próprio e poder ter mais liberdade para customizar seu blog, site ou loja virtual.


WordPress.org: Primeiros passos para instalação

O WordPress é conhecido por sua facilidade de instalação. Na Umbler a instalação é automática, o que facilita muito a sua vida, pois não precisa configurar tudo manualmente. Quando você cria um site utilizando o wordpress no app da Umbler, você vai ver que o passo a passo é bastante intuitivo e fácil, a única configuração que precisa ser feita é a conexão do banco de dados.

Já a instalação manual exige um pouco mais de conhecimento. Você precisará baixar o arquivo de instalação do wordpress no site oficial e, depois de baixado, será necessário descompactar o conteúdo do arquivo em sua máquina local. Feito isso, o próximo passo é acessar o FTP de sua hospedagem através de um gerenciador de arquivos, como o Filezilla, por exemplo, para colocar os arquivos de instalação do WordPress na sua hospedagem. Depois, é só acessar o diretório onde os arquivos foram inseridos via browser para fazer a conexão com o banco de dados e conectar a aplicação do WordPress com o seu banco.

Por SSH é mais fácil, basta fazer o acesso, dar um “wget” na URL onde você baixou o WordPress e depois descompactar o arquivo no diretório desejado, para depois fazer o mesmo procedimento de instalação e configuração do banco de dados.

Para saber como acessar seu ambiente Umbler por SSH, leia o artigo Configurando e Acessando SSH, disponível em nosso help.

Temas: Como escolher o melhor tema para deixar seu site mais bonito

A finalidade do seu site, para que ele está sendo criado é fundamental na escolha do tema. Nem todos os templates disponíveis servem para os mesmos objetivos. Cada um tem uma finalidade. Há, inclusive, temas específicos para portfólio, e-commerce, ONG, restaurante, entre os mais diversos nichos de mercado. Para isso, é muito importante que você tenha certo os motivos pelos quais resolveu criar um site.

A estética do seu site é muito importante, mas não esqueça de pensar no público alvo. Seu tema deve ser escolhido de acordo com o público que você pretende alcançar. Se seu público é jovem, por exemplo, um template mais moderno pode funcionar melhor. Para executivos, talvez algo mais formal seja o ideal.

O WordPress.org oferece uma infinidade de temas gratuitos em seu repositório oficial e escolher um design que combine com o seu negócio é fundamental para dar “a cara” do seu site. Como são muitas opções, o mais importante para começar é pensar no tipo de site que está criando, se é:

  • um site institucional,
  • um portfólio online,
  • um blog pessoal ou de negócios,
  • um e-commerce.

Escolher um tema para um site WordPress não é uma tarefa fácil. Há tantos temas bonitos, com descrições interessantes e características tão surpreendentes que escolher o tema certo pode ser uma tarefa difícil, mas é justamente esta liberdade e grande quantidade de opções de escolha que torna o WordPress uma opção interessante para os usuários da plataforma.

Além dos diversos temas gratuitos oferecidos pelo WordPress também é possível comprar um tema premium, com opções extras como personalização de funções e suporte total.

SEO: Otimizando seu site em mecanismos de busca

Já ouviu falar em SEO? Sabe como funciona?

SEO significa Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca) e é um conjunto de técnicas de otimização para sites, blogs e páginas na web. Com ferramentas de SEO é possível alcançar bons resultados orgânicos nos mecanismos de busca.

O principal objetivo do SEO é aumentar o volume do tráfego orgânico e garantir mais visibilidade para o seu site.

Uma das estratégias mais importantes para o posicionamento de um site nos buscadores é a utilização de URL’s amigáveis também. Devido a flexibilidade do WordPress e as facilidades de implementação de SEO, a criação torna-se algo simples, podendo ser realizada em poucos passos.

Para que seu site seja facilmente encontrado nos mecanismos de busca, utilizar um template SEO friendly é uma ótima ideia. A utilização dos plugins também colaboram para as estratégias de otimização de SEO. Você pode instalar o WordPress SEO by Yoast, por exemplo, que é uma boa opção de plugin para SEO.

Não sabe muito sobre SEO? Não tem problema! Dá uma lida neste post e saiba mais sobre as questões técnicas envolvidas no ranqueamento de um site. O Google também tem um “Guia do Google para iniciantes em otimização de sites para mecanismos de pesquisa“, no qual você encontra os princípios básicos para otimização de sites e também as melhores práticas.

Plugins: O que são, para que servem e porque usar

Sabe aqueles botões de compartilhamento do conteúdo do site direto nas redes sociais? São plugins. Formulários de inscrição? São plugins. Existem milhares de plugins disponíveis no WordPress para as mais variadas ações que você queira executar no seu site.

Mas o que são plugins?

Os plugins são essenciais para funcionalidade do seu site. Eles também são conhecidos como módulos ou extensões e são recursos que podem ser adicionados ao seu wordpress para te ajudar a turbinar ainda mais a sua página.

A grande maioria dos plugins são gratuitos e podem ser instalados automaticamente através da página de administrador do WordPress. Quer saber quais são os plugins essenciais para seu site? Neste post listamos alguns plugins que vão te ajudar a melhorar a sua performance, marketing e relacionamento.

Mas atenção, nem sempre usar um plugin é a melhor alternativa. Tenha em mente que, as vezes, a utilização de um plugin pode significar um queda na velocidade do site. Saiba exatamente o que precisa e descubra se existe algum código pronto na internet (ou desenvolva você mesmo – olha que bela oportunidade de aprender algo novo) e insira diretamente em seu tema.


Updates e Segurança: Por que manter atualizado e quais os riscos

O WordPress leva a segurança muito a sério, mas como em qualquer outro sistema, existem potenciais problemas de segurança que podem surgir se algumas precauções básicas de segurança não forem tomadas.

Com a quantidade de vírus e ataques hackers, manter seu site seguro é fundamental. Para isso, é importante que ele esteja sempre atualizado, pois, assim como todo software, ele está sujeito a mudanças em seu código fonte.

Diariamente novos vírus e métodos de invasão são descobertos, com as atualizações de segurança, o WordPress garante que seu site fique protegido contra qualquer nova ameaça.

Manter tudo atualizado não é complicado, mas exige muito cuidado. Toda vez que é lançada nova versão do WordPress um aviso aparece dentro da área do administrador. O mesmo acontece com os temas e os plugins.

Caso seu site esteja com uma versão antiga do WordPress, o recomendado é que atualize-a, mesmo que tudo esteja funcionando, pois além de várias ferramentas legais que são implementadas, você garante que seu site continue seguro para seus usuários.

A plataforma WordPress é um projeto open source, ou seja, é um projeto aberto e livre, desenvolvido por uma comunidade de desenvolvedores. Nesse sentido, eles têm o intuito de trazer cada vez mais melhorias com atualizações de segurança e novas funcionalidades. Novas atualizações são lançadas justamente para isso, trazer mais segurança, recursos e performance.

Outra dica muito importante é desenvolver uma senha o mais complexa que puder. Nesse post damos algumas dicas de como proteger seu site e como montar uma senha forte e segura.

Passos importantes sobre segurança

  • Limite o acesso: Faça escolhas seguras que reduzirão os pontos passíveis de invasão por pessoas mal-intencionadas.
  • Contenção: Sua instalação deve estar configurada para minimizar o tamanho do estrago que pode ser causado caso o sistema venha a ser comprometido ou invadido.
  • Preparação e conhecimento: Mantenha backups e confira o estado da sua instalação do WordPress regularmente. Traçar um plano de backup e recuperação da instalação no caso de uma catástrofe pode ajudar a estar novamente online muito mais rápido caso haja um problema.

Manter o seu computador atualizado e livre de vírus também é um passo fundamental para deixar o seu site longe de ameaças. Toda a segurança do mundo no WordPress e no seu servidor web não farão a menor diferença se houver um keylogger instalado no seu computador. A dica é manter sempre atualizado o seu sistema operacional e os softwares instalados, principalmente o seu navegador, para garantir sua proteção contra vulnerabilidades.

Apesar de o WordPress contar com atualização automática desde a versão 2.7, você pode fazer a atualização manual direto do site do wordpress.org. Lembrando que não existem versões oficiais disponíveis em outros sites. É muito importante que você nunca baixe ou instale versão que não sejam do wordpress.org ou br.wordpress.org, a segurança so seu site depende disso.

Páginas do WordPress

O WordPress permite total controle sobre a criação de conteúdo, inclusive a criação de novas páginas. Esse é um dos recursos mais importantes do WordPress, a criação de páginas e posts. Os posts aparecem de maneira cronológica na página de entrada, já a página serve para um conteúdo estático.

Se o seu site tiver um blog, com posts periódicos, essa nova página pode servir para abrigar essas postagens. Lembrando que páginas servem apenas para conteúdo estático, mas que a opção de criar post dentro da página é uma ótima ferramenta de conteúdo para o seu site.

Novos Usuários

Você também tem a opção de criar outros logins e usuários para seu site, tudo dentro do painel de administrador. O que permite que outras pessoas também contribuam com material e conteúdo para o seu site.

Se você ainda tem dúvidas sobre o WordPress, escute nosso Umblercast e saiba tudo que você precisa para voar alto com a plataforma.

Backup dos Dados

Já pensou perder todos os arquivos do seu site? Anos de posts, muito tempo dedicado a manutenção e desenvolvimento? Com o backup full dos arquivo esse tipo de problema é evitado.

Com o wordpress.org é possível realizar o backup dos dados do site, tanto dos conteúdos postados, quanto do banco de dados. Este artigo do WordPress.org explica o backup do banco de dados e pode te ajudar a entender melhor como funciona o seu banco.

O Backup full do WordPress consiste na cópia de dados específicos para que se crie um ponto de restauração caso haja uma necessidade, seja ela por conta de uma migração de servidor, um erro ou um vírus. A cópia do backup pode ficar armazenada no seu desktop (o que não é muito recomendado), pode ser armazenada na nuvem ou em algum HD externo.

Caso ocorra de todos as suas informações desaparecerem do seu site, é só fazer o upload e restaurar seu projeto.

Hospeda seu site com a Umbler? Se sim, tem essa central de ajuda, que te orienta no passo a passo para importar e exportar seu banco de dados. Garantindo que suas informações não sejam perdidas caso ocorra algum erro.

E aí, tem algum caso de sucesso desenvolvido no wordpress? Conta pra gente!

Jéssica Beltrame
Jéssica Beltrame