Jéssica Beltrame
Jéssica Beltrame

O que é CDN e por que devo usá-la em meu site?

Já falamos sobre os Mitos e Verdades Sobre o Uso de CDN, mas você sabe o que é CDN e porque deve utilizar em seu site?

Não sabe? Tudo bem, não se preocupe que que nós vamos explicar.


Rede de Distribuição de Conteúdo

Sempre que você acessa um site da internet, o conteúdo dele é baixado para o seu computador. Para que a mágica aconteça, os desenvolvedores precisam hospedar o conteúdo da página num servidor, a partir do qual as informações são enviadas para você.

Até aí tudo certo.

Mas você sabia que esse conteúdo não está necessariamente armazenado em um único lugar – servidor físico?

Pois é, e é justamente aí que entra uma CDN — sigla em inglês para Content Delivery Network ou Rede de Distribuição de Conteúdo. A CDN funciona como uma espécie de teia de dispositivos que trabalham em conjunto para regionalizar o armazenamento de dados, o que facilita o acesso a eles de computadores de diferentes lugares do mundo.

A CDN faz com que o conteúdo seja distribuído de forma mais eficiente, diminuindo a latência do processo de transferência e aproveitando melhor a largura da sua banda. O que acontece é que o conteúdo sai do servidor original e fica cacheado em diversos outros lugares ao redor do planeta conforme a demanda.

 

Para nos ajudar a explicar um pouco mais sobre CDN, convidamos o André Tellini, executivo de marketing e vendas da GoCash.

– Existe diferença entre as tecnologias empregadas no Brasil em relação ao resto do mundo?

A maioria dos players no Brasil são globais, mas existem players locais que utilizam tecnologia de ponta que não deixa nada a desejar em comparação.


– De que forma, além do aumento da disponibilidade do site, uma CDN pode ajudar um negócio de tecnologia, por exemplo?

Além da disponibilidade, a CDN ajuda com desempenho, segurança e redução no uso de infraestrutura. Desempenho ajuda com melhor posicionamento nas páginas de resultados dos mecanismos de busca, engajamento dos visitantes no site e taxa de conversão. Segurança ajuda a prevenir potenciais riscos ao negócio, tanto financeiros quanto de reputação. E a economia de infraestrutura se transforma em melhores margens e estabilidade operacional.

– É possível/ recomendado contratar mais de um serviço de CDN?

É possível, mas pode não ser necessário, cada caso é um caso e este tipo de abordagem pode resultar em variações de custo desnecessárias

– Há algum tempo criamos um post com mitos e verdades sobre CDN e a partir de testes concluímos que ao habilitar o serviço de cache, temos um tempo de resposta maior, mas ainda assim apresenta tempo de carregamento inferior que a versão sem cache. O que você pode nos dizer sobre a questão velocidade de carregamento? Como uma CDN ajuda nesse aspecto?

Existem diversos fatores que influenciam na velocidade de exibição da página e no tempo de carregamento. Se você não utiliza o cache de conteúdo dinâmico (as páginas) na CDN, o primeiro byte é enviado pelo servidor de hospedagem e a CDN no meio do caminho vai prejudicar essa métrica. Mas o fato de fornecer o conteúdo estático sem precisar da hospedagem vai resultar em um tempo de exibição inicial melhor mesmo com o primeiro byte pior. Já no caso de utilização do cache de conteúdo dinâmico, dificilmente esse tempo na CDN será pior que sem o cache.

Disponibilidade, segurança e economia significando mais lucro para seu negócio. Quer motivos melhores do que esse para começar a usar CDN agora?

Tem mais dúvidas sobre CDN? Confere esse post que separamos para você:

Acelerando o seu site com o novo add-on de CDN via CloudFlare

Gostou do conteúdo e quer ver mais temas como esse aqui no blog? Deixe seu comentário!

Jéssica Beltrame
Jéssica Beltrame