Andréa Amaral (Convidada)
Andréa Amaral (Convidada), Responsável pela Unbounce Brasil

Falando sobre landing pages com seus clientes

Compartilhe

Você já tentou explicar para seu cliente o que é uma landing page? Se isso nunca aconteceu, aguarde, tenho certeza que um dia você vai se deparar com esse olhar vazio e quando esse dia chegar você vai se lembrar das dicas desse artigo. Então prepare-se!

Pra ser sincera não é nem a definição de uma página com um único objetivo e uma chamada para ação que é difícil de ser entendida, mas sim a questão que acompanha todo o conceito: “Por que eu tenho que criar uma nova página quando eu já possuo um site?”

Esse é o desafio que todo profissional de marketing passam ao dizer à seus clientes que eles precisam de landing pages. Já foi dito que um site é o que eles precisam para promover seus negócios, aí vem você dizendo que precisam investir em algo mais?!

… espere para encarar esse olhar vazio novamente!

E é por essa razão que é extremamente importante que você, agência ou freelancer, que oferece serviços de landing page, seja capaz de transmitir de forma clara o valor real do uso dessas páginas dedicadas.

Porque além de aumentar o ROI de seus clientes, economizar dinheiro ao aproveitar o tráfego que já estão pagando, você vai conseguir ótimas recomendações dos seus clientes satisfeitos com os resultados de alta performance da campanha que você realizou para eles ;).

Uma das maiores dificuldades que notei nos últimos meses é a dificuldade que alguns profissionais de marketing tem de colocar-se no lugar dos seus clientes e falar na língua deles evitando principalmente nossos conhecidos acrônimos e jargões (CPC, CPA, KPI, ROI, e por aí vai) que estamos acostumados a usar com o pessoal da agência, não é? Não se preocupe, eu passei por isso e justamente estou aqui para facilitar!

E já que nosso ponto é praticidade apresento minhas dicas em um formato de pergunta e resposta de maneira didática, simples e fácil de memorizar. Vista seu melhor jeans e entre na sala de reunião:

Cliente: Então, o que são landing pages?

Landing page é uma página da internet criada exclusivamente para receber os visitantes de uma campanha de marketing e convencê-los a executar uma única ação (clicar no botão CTA), que é o objetivo final da campanha.

Cliente: Mas, por que não mandar esse tráfego para meu site? Ele já existe para promover meus produtos, não é mesmo?

As landing pages são diferentes das propriedades da sua homepage. Seu site existe para ser navegado e explorado. Lá, o visitante vai encontrar todo o tipo de informação sobre sua empresa e produto. Em contrapartida, as landing pages existem para que os visitantes realizem uma única ação de marketing.

vs.

Os botões laranjas das imagens acima representam as ações que podem ser realizadas pelo visitante num site versus numa landing page.

Cliente: Como landing pages podem melhorar nossas campanhas de marketing?

Promovendo uma única ação na sua página, faz com que os visitantes fiquem focados somente em um discurso, sem distrações. Consequentemente mais pessoas acabam por clicar no seu botão CTA e cumprem o objetivo único da sua campanha. Assim, landing pages aumentam sua conversão, produzindo um melhor resultado para as campanhas, por que estas são direcionadas a uma única ação e objetivo.

As landing pages também permitem um controle mais específico do funil de vendas e dos testes A/B. Como uma agência, podemos trabalhar com você para determinarmos campanhas que sua audiência vai responder, criando assim landing pages de alta conversão dedicadas para cada campanha específica.

Nós também podemos fazer teste A/B repetidamente nessas páginas até conseguirmos ver o aumento das conversões.

Cliente: Por que deveríamos escolher a sua agência?

Enquanto muitas agências se especializam em anúncios pagos PPC, por exemplo, a nossa agência além de ser especializada em garantir relevância em seus anúncios, fazemos também otimização de conversão e testes. Podemos melhorar a conversão ao testar variações de landing pages e encontrar a combinação de elementos perfeita que pode garantir para vocês mais leads qualificados por mês.

Uma agência típica acaba por confiar mais nos gastos com publicidade (valor que sai do seu bolso) para obter mais tráfego para suas campanhas, mas aqui, nossa agência busca melhorar o ROI das suas campanhas ao combinar o tráfego PPC com landing pages altamente persuasivas para atrair seu público e aumentar as conversões ( já que foram criadas e testadas para elas).

As agências PPC que focam em pré-clique somente perdem uma gigantesca oportunidade ao não usar landing pages para otimizar a experiência do pós clique pois é daí que virá os resultados que você merece.

Cliente: Certo, será que você tem algum exemplo de landing page que sua agência criou para um outro cliente que seja da mesma indústria ou alguma campanha similar ao meu negócio?

Agora é a hora do show e um breve dever de casa: uma coisa que aprendi em toda reunião que participei tanto como ouvinte como palestrante, é que você deve sempre estar mais preparado do que realmente precisa, sendo assim separei aqui alguns templates de landing pages para que você possa criar seus próprios exemplos de landing pages e apresentar algumas opções de campanhas ou de landing pages por indústria de mercado para seus clientes.

Os tipos mais comuns de landing pages, são para campanhas de Geração de Lead e as landing pages Click-Through.

Landing pages para geração de leads

Usadas em campanhas onde geralmente há uma troca de informação, onde o visitante preenche um formulário e em troca recebe algo que está buscando. Por exemplo, ao oferecer um material rico como um ebook, ou um acesso gratuito a um vídeo ou ainda um cupom de desconto.

Aqui está um template de uma landing page para campanha de geração de lead onde um ebook é oferecido em troca de informações, como nome e email, do visitante.

Landing pages click-through

Muito usada no e-commerce essas landing pages funcionam como uma campanha de influência, onde ao invés de enviar seu visitante direto para sua loja virtual você oferece mais informações sobre o produto que deseja ofertar fazendo com que ele esteja certo de realizar a compra e ao clicar no botão para a ação ele é direcionado à página final do carrinho de compra.

Abaixo um template de uma landing page click-through para um e-commerce onde a única chamada para ação é o botão para adicionar o produto ao carrinho de compras (add to cart).

Então, como foi a reunião? Seu cliente entendeu o valor das landing pages? Ficou claro ao visualizar as opções e vantagens que sua agência pode criar para seu negócio com o uso das mesmas?

E agora, quanto cobrar por elas? Calma, eu pensei nisso também, por isso nesse artigo aqui compartilhamos alguns modelos de preços de agências que prestam serviços de criação de landing page que obtiveram sucesso conseguindo manter seus clientes felizes e satisfeitos.

Espero que esse curto diálogo seja o primeiro passo para educar seus clientes sobre a importância das landing pages. Adoraria conhecer outros desafios das agências digitais atualmente com relação a landing pages, nos falamos nos comentários?

Andréa Amaral (Convidada)
Andréa Amaral (Convidada), Responsável pela Unbounce Brasil
  • Pessoal da Umbler, existe alguma possibilidade de surgir um plano intermediário entre o Site Pro e o Cloud? Algo como um Cloud PPP com metade da capacidade do Cloud PP e custando a metade do preço. Talvez comercialmente não seja viável, mas a única alternativa mais em conta no mercado para este plano é um VPS, que eu mesmo tenho que gerenciar mesmo não tendo bons conhecimentos em TI 🙁

    Testei o serviço e achei interessante, mas o Cloud pra mim é um valor um pouco alto e o Site Pro acaba saindo caro do mesmo jeito. Como? Eu sou desenvolvedor e só tenho sites hospedados de projetos em desenvolvimento, ou seja, nenhum deles é acessível ao público. Somente meu portfólio e blog é que são. Eu uso sub-domínios para manter tudo organizado e como na Umbler sub-domínio equivale a um site, acaba que sai caro somando cada projeto hospedado como Site Pro. Mesmo que estes projetos não consumam praticamente nada do servidor. A alternativa seria organizar em pastas e compartilhar o mesmo banco de dados, só que isso para um desenvolvedor é um porre!